Nosso Controle

O que está sob nosso controle? Talvez, você nunca tenha parado para refletir sobre isso. No entanto, muitas vezes tentamos controlar tudo e todos ao nosso redor mesmo sem ter consciência disso. Fazemos planos onde tudo dá certo, todos nos apoiam e aquele dia na praia será ensolarado. No entanto, nem sempre as coisas saem como planejamos.

Isso pode (e vai) gerar muito estresse, ansiedade e frustração se você não souber separar aquilo que está sob nosso controle e aquilo que não está. Entender isso evita muitas dores de cabeça e ainda te torna uma pessoa mais calma e focada, capaz de tomar melhores decisões, mesmo em ambientes não favoráveis.

Existem dois tipos de coisas:
• Aquelas que estão sob nosso controle
• Aquelas que não estão.
O que está sob nosso controle são apenas nossos pensamentos e ações.

Pronto, você só precisa entender isso para ter uma vida mais tranquila e centrada, mesmo em situações não favoráveis.

Que tal alguns exemplos práticos para você entender melhor como isso é aplicado em seu dia a dia?

A cada exemplo, vou aumentando o tamanho da explicação, apenas pra que você entenda melhor como podemos observar as coisas do modo mais racional e manter nossa paz de espírito, mesmo quando as coisas não estão nada favoráveis.

• Você se programa para ir à praia, chegando lá o dia lindo se transforma em temporal. Você pode ficar reclamando o dia todo ou se lembrar-se que o clima não é algo que está sob seu controle
• Você está atrasado pro serviço e quando se dá conta, ficou preso em um engarrafamento. Você pode buzinar feito um louco ou lembrar-se que o trânsito não está sob seu controle. Você automaticamente lembra que podia ter saído antes e isso sim estava sob seu controle, agora pode colocar uma música pra tentar relaxar – enquanto os outros estão buzinando feito loucos e não você.
• Você investe horas em um serviço e cliente ou chefe diz que aquilo ficou uma porcaria. Você pode ficar louco e dizer que porcaria é a camisa que ele está usando, ou entender que é impossível controlar os pensamentos dele. Lembre-se, você controla apenas seus pensamentos e ações. Você pode perguntar pra ele por quais motivos ele acha que aquilo ficou uma porcaria. Após isso, você também pode dizer que existem modos mais construtivos dele expor sua opinião e pedir para ser mais educado da próxima vez. No entanto, observe que a resposta e atitude de ser educado do seu chefe diante de tal situação não está sob seu controle.

Concentre-se apenas no que está sob seu controle.

O que está sob nosso nosso controle, como você já viu são apenas nossos pensamentos e ações. Quanto mais você se concentrar, refletir e praticar isso no seu dia a dia, não tenho dúvidas que sua vida será muito mais feliz, tranquila e você fará melhores escolhas para sua vida mesmo em situações difíceis.

Em um primeiro momento, entender que o que está sob nosso controle no universo é apenas a minoria das coisas, pode parecer desanimador. No entanto, observe que o desânimo vem porque você está focando nas coisas que não estão sob seu controle. Faz sentido você tentar ficar controlando coisas que não tem domínio?

Se você quer mais ânimo em seu em seus dias, basta concentrar sua energia e esforços nas coisas que estão sob seu controle – pensamentos e ações – isso lhe trará sabedoria, calma e tranquilidade para escolher como vai agir diante das situações que acontecem em seu dia.

De um modo simples, é como se ao longo da viagem da vida a gente andasse com duas mochilas. Uma com as coisas que estão sob nosso controle e outra das coisas que não estão sob nosso controle. A mochila das coisas que não está sob nosso controle, pesa muito e não existe o menor motivo para levarmos ela, então por que você vai continuar carregando isso?

Por: Marcelo Kazequer em umapaginaembranco.com
WhatsApp chat