'

O nascimento de um filho é um momento de muita tensão e emoção para os pais. Hormônios, sentimentos contraditórios, depressão pós-parto… Imagine tudo isso junto com a notícia de que seu filho(a) tem Síndrome de Down. Pais, não tenham medo de expressar seus sentimentos. Uns podem sentir uma grande tristeza, ficar anestesiados ou expressar uma

Algumas pessoas contam terem sido agredidas por seus pais, não necessariamente na forma física, mas por ações ou palavras, quando de alguma forma foram humilhados ao ouvirem: “como você foi capaz de fazer isso?”; “você é um idiota ou um incompetente ou um medroso ou um fracote ou não faz nada certo”; “com a tua

“O progresso tecnológico nos tem apenas suprido de meios mais eficientes para regredirmos“, esta é uma das afirmações no livro “O Despertar do Mundo Novo” de Aldous Huxley, depois do autor ter considerado invenções e avanços da sociedade no início do século XX, tais como: Com o advento dos automóveis previu um declínio nas relações

Qual é o oposto de simbólico? Já pensou que etmologicamente SIMBÓLICO e DIABÓLICO são seus opostos? Do grego “DIÁBOLOS” em resumo significa “aquilo que desune ou que separa”, enquanto que “SÍMBOLO” faz uma síntese de conceitos, reúne num único “significante” vários “significados”, desta forma, “diábolos” realiza o inverso, desfaz ou esmiúça os vários significados de

A vergonha é um dos sentimentos mais difíceis de trabalhar em terapia pela dificuldade em ser compartilhada. Guarda-se a vergonha muito fundo na memória, enquanto permite-se emergir sentimentos de medo, culpa, ineficiência, baixa auto estima, desvalia, insegurança, abandono e tantos outros. Tal processo com a vergonha começa muito cedo. A criança criar o sentido da

Os sonhos simbolicamente apresentam metas para a vida, saídas para problemas, compreensão de dificuldades, alertas de ciladas, muito mais do que simplesmente reprisar eventos do passado, exceto quando algo ainda precisa ser aprendido. No entanto, tais, mensagens, por serem simbólicas, raramente são compreendidas sem ajuda. Tal como afirmou Marie L. Von Franz, que diz serem

Passei por flores à beira do caminho e mal vi a paisagem. Confesso que provavelmente falarei mais do mato a invadir e das pedras a me fazer tropeçar. Um dia ainda mudo. Cale-me. Talvez nem fale e caminhe. Olhe e goste. (Imagem: http://www.freemagebank.com/wp-content/uploads/edd/2015/08/GL0000336LR.jpg).

Resumo do livro de mesmo nome publicado em 2006 em São Paulo/Br pelaMartin Claret de autoria de Søren Aabye Kierkegaard. Kierkegaard ousou evidenciar ser o próprio indivíduo o único responsável por dar significado à vida ao vivê-la de forma intensa e sincera. Foi o primeiro a descrever a angústia como experiência fundamental do ser livre

No livro “O medo do feminino”, Erich Neumann nos passa a mensagem que a mulher pode permanecer por muito mais tempo em contato com a “Grande Mãe” (natureza interior), sem ter que se alienar e se dedicar aos comportamentos tipicamente racionais do masculinos, de forma a manter-se em maior contato com seu autêntico ser, isso

WhatsApp chat